Comissão de Educação da Assembleia discute eleição de diretores de escolas

Decom/ALE

Comissão de Educação da Assembleia discute eleição de diretores de escolas
A Comissão de Educação e Cultura da Assembleia Legislativa se reuniu na manhã desta quarta-feira (06), no plenarinho 01, sob a presidência do deputado Adelino Follador (DEM) e com as presenças dos deputados Ismael Crispin (PSB) e Cabo Jhony Paixão (Republicanos).

Cabo Jhony levantou uma questão que chegou ao seu conhecimento, apontando que o processo de definição de escolha dos diretores das escolas estaduais, teria como pré-requisito a formação em pedagogia. “Se for dessa forma, os formados em outras licenciaturas, como biologia, física, química, por exemplo, não poderiam concorrer”, detalhou.

Ismael Crispin apontou que é preciso verificar a norma em vigor, mas seria importante saber em detalhes os critérios para a escolha. “Houve uma mudança na data de escolha para os diretores, para final de ano. Podemos requerer os critérios e conhecer melhor o processo, fundamentado na legislação em vigor”.

Reserva Remunerada

Adelino aproveitou para registrar que os 88 policiais militares da reserva remunerada, que atuam nas escolas militarizadas, e estavam correndo o risco de terem os contratos cancelados agora no final de outubro, foram mantidos nas funções.

“Felizmente, isso foi resolvido. Já temos poucos policiais nas ruas e eles ainda seriam retirados para funções administrativas nas escolas. O Governo contornou a situação e isso foi resolvido, graças também à mobilização dos deputados estaduais. Parabenizar o governador Marcos Rocha (PSL) e toda a sua equipe, por ter solucionado o impasse”, observou.

Cabo Jhony disse que ficou feliz em ter destinado recursos, via emenda parlamentar, para garantir a continuidade dos policiais da reserva em suas funções. “O governador tem esse compromisso com as escolas militarizadas e a nossa expectativa é de que esse trabalho continue se expandindo. Meu sonho era de que, cada município, recebesse pelo menos uma escola militarizada, mas sabemos que isso não é possível ainda, infelizmente”, completou.

Ifro

Foi definido que no dia 20/11, na reunião da Comissão, o reitor do Instituto Federal de Rondônia (Ifro), Uberlando Tiburtino, para apresentar as ações e demandas do Instituto, atendendo ao convite do deputado Adelino Follador.

Parecer

O deputado Cabo Jhony Paixão emitiu parecer favorável ao PL 264, de autoria do deputado Dr. Neidson (PMN), que foi aprovado.